As muletas são usadas como apoio para melhorar o equilíbrio e aliviar, total ou parcialmente, a sustentação de peso por um membro inferior (perna). Em geral são utilizadas dos dois lados e permitem que os membros superiores transfiram o peso do corpo para o solo. Existem dois modelos básicos de muletas: muletas axilares e muletas canadenses ou de antebraço.

As muletas axilares são feitas de madeira ou alumínio e são maiores, mais baratas e não tem apelo estético, enquanto as canadenses feitas de alumínio são menores, mais caras e tem um maior apelo estético.

Ambas podem ser usadas para subir e descer escadas, mas é necessário treinar, de preferência e se possível, antes da cirurgia.

No caso da muleta axilar, a extremidade superior da muleta deve estar de 2 a 3 cm abaixo da axila, com você em pé. As manoplas (local onde segurar) das muletas devem estar no mesmo nível da parte superior do seu quadril. Seus cotovelos devem estar levemente flexionados quando as mãos seguram as manoplas. Pressione a extremidade superior das muletas contra a parte lateral do tórax, e use suas mãos para absorver o peso. Não deixe que as muletas pressionem suas axilas.

No caso da muleta canadense, a altura da braçadeira (local onde apoiar o antebraço) deve estar entre 2 e 3 cm abaixo do cotovelo, a ponteira deve ficar levemente ao lado e à frente do pé e os cotovelos também levemente flexionados.

Caso você precise usar muletas, converse com seu médico e fisioterapeuta sobre qual a melhor opção e treine.