Dislipidemia é a presença de níveis elevados ou anormais de lipídios (gorduras) no sangue. O colesterol e triglicérides estão incluídos nessas gorduras que são importantes para que o corpo funcione, mas em grande quantidade aumentam o risco de infarto e derrame. O colesterol total é composto por frações: HDL (colesterol protetor de alta densidade) e LDL (colesterol ruim de baixa densidade).
A dislipidemia encontrada em pacientes com artrite reumatoide caracteriza-se pela presença de níveis reduzidos de colesterol HDL (bom colesterol) e aumento da relação de colesterol total. O aparecimento desse padrão pode preceder o início das manifestações articulares da doença e pode estar relacionado a alterações inflamatórias secundárias à doença.

Para o diagnóstico, realiza-se exame laboratorial (de sangue) que mede os níveis de colesterol total, LDL, HDL e triglicérides. O tratamento pode ser com ou sem medicamento. O tratamento não medicamentoso é concentrado em mudanças no estilo de vida, tais como:

  •  Perda de peso e manutenção do peso adequado;
  •  Dieta balanceada com mais frutas, verduras, legumes e fibras;
  •  Diminuir a ingestão de gorduras de origem animal, queijos amarelos e frituras;
  •  Praticar atividade física aeróbica regularmente (pelo menos 30 minutos 4x na semana);
  •  Não fumar;
  •  Evitar bebidas alcóolicas.
  •  Manter acompanhamento médico regular.